25 de agosto de 2020

Reforma tributária verde pode destinar R$ 20 bi aos municípios

 

Nesta terça-feira (25), representantes da sociedade civil apresentam aos parlamentares nove propostas para uma reforma tributária verde

Segundo os ambientalistas organizadores do evento, as medidas visam responder a dois desafios cruciais para o desenvolvimento do Brasil: por um lado, simplificar regras, reduzir a carga fiscal e eliminar subsídios perversos; por outro, favorecer o desenvolvimento de uma economia verde que coloque o país na vanguarda do paradigma de desenvolvimento do século XXI.

Uma das propostas é o IBS (Imposto sobre Bens e Serviços) Ecológico. A proposta prevê a destinação de R$ 20 bilhões para os municípios, esses recursos seriam encaminhados devido a indicadores de preservação ecológica, que estimulem bons resultados em governança climática e socioambiental local considerando indicadores de biodiversidade (terras indígenas, unidades de conservação e remanescente de vegetação nativa).


Nenhum comentário:

Postar um comentário