20 de novembro de 2020

Natal e Macau apresentam candidaturas laranjas que podem modificar composição no legislativo das duas cidades

 

O blog do Xerife alerta sobre uma mudança radical na composição da Câmara Municipal de Natal (RN), em decorrência da possível nulidade dos votos dos partidos Republicano e Liberal, que elegeu os vereadores Herbert Sena, Ana Cláudia e Bispo Francisco no pleito de 15 de novembro, em razão de candidatas “laranjas” que apareceram sem votos no mapa de totalização do TSE.

O blog seridoense destaca que O Partido Liberal registrou a candidatura de Patrícia da Fé e o Republicanos de Michele Barros, que não foram sufragadas nas urnas pelo eleitorado natalense, ocasionando fraude para o preenchimento de quota de gênero, disposta no art. 10, § 3º, da Lei nº 9.504/1997, e demais jurisprudências do Tribunal Superior Eleitoral.

Macau

Caso idêntico acontece na cidade de Macau, onde as candidatas Cecilia Bibia e Rayanny Roberta foram colocaram seus nomes para SEREM AVALIADAS NAS URNAS mas não obtiveram nenhum voto. Quer dizer; nem elas votaram nelas mesmo.

Portanto

No caso de Macau, o vereador Chico baixinho por ora eleito, poderá perder sua cadeira para o Professor Edivaldo (DEM).

Uma vez que

Ao ser provado tanto em Natal como em Macau o Ministério Público deverá protocolar junto a Justiça Eleitoral pedido de cassação do registro de todos os candidatos ao cargo de vereador, com declaração de nulidade de votos e determinação de recontagem total.


Macau; Chico Baixinho com risco iminente de perder sua cadeira no legislativo

Nenhum comentário:

Postar um comentário