30 de junho de 2020

O recado nas entrelinhas: Prefeito TLemos demonstra que está disposto a virar a página do descontentamento eleitoral com entrega do hospital de campanha e dialogo com trabalhador


Depois de criar uma situação desconfortável para sua gestão com atos que não agradaram seus eleitores nos últimos três anos, Prefeito Tulio Lemos tem feito de tudo para demonstrar seu comprometimento com os macauenses nesse momento de Pandemia.

Pois é

Recentemente o prefeito visitou o hospital de campanha para tratamento do Covid-19, no momento estiveram presentes a Secretária de Saúde Nalvanir Soares e a Diretora do Hospital  Municipal Ludmila Melo.

O prefeito TLemos aproveitou a oportunidade para lançar um vídeo apresentando aos macauenses a estrutura do Hospital de Campanha que estará disponível a partir do dia 01 de julho. O hospital conta com 20 leitos que irão atender Macau e região.

Compromisso


Após conversa com integrante da CIPA, o prefeito TLemos também usou as redes sociais do município para comunicar que disponibilizará testes rápidos e doará Ivermectina para funcionários da empresa Salinor.

O prefeito Tulio Lemos foi sensível ao apelo dos trabalhadores e enfatizou: ”A indústria é um segmento considerado essencial e o sal é matéria prima para uma infinidade de produtos, desde o setor alimentício, passando pela pecuária, até a indústria química, na produção de remédios. Por isso, precisamos proteger os trabalhadores que continuam em sua atividade para produzir um insumo vital para a vida de todos nós. Vou determinar que a secretaria de Saúde proceda a entrega do medicamento e realize a testagem dentro dos critérios exigidos.”

O detalhe

Para quem acredita que o prefeito TLemos está com sua imagem desgastada, os atos do prefeito demonstra que conversa com qualquer macauense sem nenhum constrangimento - diferentemente de seguimentos da oposição que não se entendem – apostando, quem sabe, que eleição se ganha de véspera.

Nas entrelinha

Enquanto o prefeito TLemos se arma para o futuro politico, oposição continua desarmada, desgarrada e, principalmente, sem um líder natural que tenha força e respeitabilidade para compor uma união.


Nenhum comentário:

Postar um comentário