Casos de Aids crescem 32% em 10 anos no RN, segundo Secretaria de Saúde

 

O Programa Estadual de IST, AIDS e Hepatites Virais da Sesap elaborou um boletim em maio deste ano, apresentando uma análise epidemiológica sobre os casos confirmados de Aids e de Infecção pelo HIV no RN. Em 2020, foram notificados no estado 586 casos de Aids (taxa de detecção de 16,6 casos/100 mil habitantes), 03 casos em menores de 05 anos de idade (taxa de detecção de 1,3 casos/100 mil habitantes), 124 casos de gestantes com HIV (taxa de detecção de 2,9/mil nascidos vivos), 126 casos de crianças expostas, 1.113 casos de infecção pelo HIV e 124 óbitos por Aids (coeficiente de mortalidade de 3,5/100 mil habitantes).

Em comparação com o ano de 2019, observou-se uma redução de 7,8% na taxa de detecção de Aids, de 50% na taxa de detecção da doença em menores de 05 anos de idade e de 7,8% no coeficiente de mortalidade por Aids. Entretanto, verificou-se um aumento de 1,0% no número de casos de infecção pelo HIV, de 16% na detecção de gestante HIV e de 2,5% no número de casos de crianças expostas ao HIV.

De janeiro de 2010 a dezembro de 2020, foram registrados, no RN, 6230 casos de Aids. Desse total, 6120 casos (98,2%) em adultos e 110 (1,8%) em crianças. No período, observa-se um aumento de 32,5% no registro de casos de Aids no estado. A distribuição dos casos de Aids por região de saúde de residência mostra que a 7ª região apresentou 56,5% dos casos (Tabela 01). O Município de Natal concentrou 39,3% (2447) do total de casos registrados no estado.

Agora RN


Tecnologia do Blogger.