16 de março de 2021

Vereadores Gustavo e Edinor enxergam a politica de Guamaré por ângulos diferentes, mas entendem que os procedimentos realizados que levaram Eudes Miranda para o executivo seguiram dentro da legalidade


 

Após decisão da juíza CRISTIANY MARIA DE VASCONCELOS BATISTA, 1ª Vara da Comarca de Macau, após entender que o prefeito interino Eudes Miranda deve permanecer no cargo até novas eleições em Guamaré, os vereadores Edinor Melo(MDB) e Gustavo Santiago(Solidariedade) deixaram seus pontos de vistas sobre o mesmo assunto.

Conclusão

Os dois vereadores enxergam a política por ângulos diferentes, mas uma coisa eles entenderam muito bem; a CM de Guamaré não praticou nenhuma ilegalidade para que Eudes Miranda viesse a ocupar o cargo como gestor interino no executivo guamareense.  Para os vereadores os procedimentos que foram utilizados em votação seguiram dentro da legalidade e das prerrogativas da Lei Orgânica do município.



Veja abaixo a posição do vereador governista Edinor;



 

Veja a opinião de Gustavo vereador oposicionista;

 



.