22 de março de 2021

Sem fiscalização, mas ainda assim os macauenses respeitaram as "medidas de isolamento social rígido" imposta pelo governo do estado

 

Sábado e Domingo: No primeiro dia de medidas de isolamento a barreira com a Guarda Municipal ja não mais existia na entrada de Camapum

Depois que o governo do estado definiu dá início neste sábado "medidas de isolamento social rígido" por todo território potiguar para combater a covid-19, determinação que se estende até o dia 2 de abril, onde não podem funcionar por todo estado as atividades que não sejam consideradas essenciais.

Mas

Para surpresa dos macauenses tudo funcionou como antes no comércio salineiro e, principalmente, no ponto de lazer da cidade que é a praia de Camapum -  O sábado de camapum funcionou normalmente durante o dia, já no domingo houve um olhar de fiscalização com o veiculo de patrulhamento da guarda municipal.

Estranho

Antes desta determinação estadual o prefeito ZAMenezes realizou barreiras na entrada da praia proibindo acesso dos macauenses à sua área de lazer, depois de novo decreto estadual as “porteiras” de camapum se encontravam completamente livre para quem quiser aglomerar, mesmo sabendo que não podia.

No entanto

Os macauenses foram conscientes de não utilizarem o principal ponto de lazer da cidade para aglomerar - não por medidas municipais que foram tímidas nesse primeiro momento - mas pela conscientização social de que nesse momento da pandemia se faz necessário o isolamento social.

Então, perguntar não ofende

O prefeito ZAMenenzes já assumiu que vai cumprir o decreto estadual, agora quem vai fiscalizar o decreto na cidade, já que a maioria do comércio se encontra aberto, bem como sua principal área de lazer ?...

Com a palavra as autoridades competentes de Macau...


Domingo: praia sem movimento demonstra que os macauenses respeitaram as medidas de isolamento nesse Iº momento


.