3 de março de 2021

Manuellyso Maia ocupa diretoria de cultura de entidade estudantil potiguar

 


A União Estadual dos Estudantes é responsável por representar todos os discentes universitários no Rio Grande do Norte. Reconstruída em 2018, a entidade luta a mais de dois anos por direitos dentro de universidades públicas e privadas.

Ontem, 2, Manuellyso Maia entra para a história da UEE/RN sendo o 1° macauense a ocupar uma cadeira na diretoria executiva. Estudante de Geografia na UERN, ele vai assumir a responsabilidade de Cultura.

À impressa local, ele fala um pouco sobre essa experiência e como pretende tocar a pasta nos próximos seis meses, onde - caso tenha-se condições sanitárias necessárias - se realizará o Congresso que elegerá a nova diretoria da entidade.

"Sou de Macau, cidade de grandes artistas, a chamada "terra do sal". Desde muito cedo fiz parte de grupos de teatros, dança e música. A partir disso entrei no movimento estudantil, onde encontrei um importante espaço de luta e resistência, não somente dos estudantes, mas de toda a sociedade.", aponta ele.

Sobre sua trajetória no movimento secundarista, atuando nas escolas da cidade, ele fala que: "Foi criando grêmios e fortalecendo as entidades estudantis na minha cidade e região, que fui me organizando dentro do movimento a nível estadual. É com um sentimento de muita felicidade, que eu hoje assumo a cadeira da Diretoria de Cultura da União Estadual dos Estudantes, que muito nos orgulha e que tem tanta representatividade."

"Acredito que a educação e a cultura devem andar lado a lado, e levaremos esse ideal a todas as regiões do estado."

Manuellyso Maia, que tem apenas 19 anos, foi candidato a vereador de Macau nas eleições de 2020, sendo o candidato mais votado do Partido dos Trabalhadores.


Jovem Manuellyso sempre envolvido nas lutas sociais de Macau

.