23 de novembro de 2020

A verdade tomando forma ; MPRN arquiva de forma parcial denuncia contra o carnaval de 2015 em Macau

 

Vejam como as coisas se comportam quando o assunto se refere aos atos e recomendações de órgãos competentes de justiça social nesse rincão brasileiro.

Veja bem

Todos sabem que havia uma denúncia/recomendação do MPRN para com o carnaval de Macau no ano de 2015 , na época o prefeito era kerginaldo Pinto, assunto que tomou conta de toda imprensa estadual como se a denúncia oferecida se tratasse de uma verdade, com provas cabais, legitimas e verdadeiras.

Mas

O ex-prefeito Kerginaldo Pinto recebe do MPRN decisão que ARQUIVA DE FORMA PARCIAL o inquérito civil 04.23.2362.0000022/15 por “ não encontrar nenhuma prova cabal da ocorrência de Ato de improbidade administrativa em relação as bandas contratadas”

Sobretudo

Quando o MPRN destaca em documentação que “não havendo elementos suficientes para propositura de ação civil pública, ou mesmo adoção de outras medidas administrativas e judiciais de natureza civil em relação a contratação diretas de inexigibilidade de artistas locais e regionais para realização do carnaval de 2015, impondo-se, consequentemente, o seu arquivo parcial”.

Neste caso

O MPRN arquivou denuncia contra 22 atrações musicais locais e regionais que estiveram presentes no carnaval de 2015, na cidade de Macau.









.