8 de outubro de 2020

Macauenses acreditam que as UTI's foram entregues com datas certas para o inicio e o fim do seu funcionamento

 

O que me chama atenção de recente matéria do prefeito TLemos onde destaca que as UTI’s ficarão instaladas em definitivo no HAF - não que eu torça contra tal bem feitoria para o povo salineiro - mas pela situação já expressa através de aliados que tiveram a posição do governo do estado.

Uma vez que

Para que uma UTI deste porte funcione dignamente em seu dia a dia na cidade de Macau, existe a contrapartida do governo estadual de R$ 270 mil reais mensais.

Mas

A governadora Fátima já confidenciou para aliados PTistas de Macau que esse recurso financeiro do governo do estado só acontecerá nesses tempos de pandemia. Após encerramento desta pandemia o valor de contrapartida do governo do estado deixaria de ser repassado para as UTI’s de Macau.

Portanto

O prefeito deve estar trabalhando diuturnamente para que as UTI’s funcionem ainda no seu governo, para quando for retirada a verba do governo do estado, dizer que  “deixou as UTI’s funcionando, mas o prefeito eleito não manteve”.

Moral da história

O prefeito TLemos sabe muito bem que se não houver a ajuda do governo do estado de R$ 270 mil reais todo mês, Macau não terá recursos próprios para bancar essas UTI’s.

Então o prefeito logo irá dizer que deixou as UTI’s funcionando e quem foi eleito retirou.

Alguém tem dúvidas disso?....



Nenhum comentário:

Postar um comentário