26 de outubro de 2020

Macau: Eles não votam na urna, mas votam com o coração

 


Já dizia o ex-deputado João Faustino que “ criança não vota, mas vota com o coração”, esse sentimento se enxerga na campanha de Zé e Aladim. Crianças e jovens que absorvem o sentimento das ruas e as atitudes paternalistas de família e passam a identificar seu amor ao candidato.

Foi assim em Barreiras, tem sido assim por onde passa Zé e Aladim. Realidade que envolve e encanta a todos que enxergam a pureza destas crianças como um sinal de esperança, carregado com o desejo de liberdade de um povo sofrido e esquecido pelo atual gestor.

 


Nenhum comentário:

Postar um comentário