7 de janeiro de 2020

Com recorde de receitas e o silêncio dos órgãos competentes de justiça, prefeito TLemos segue sua saga administrativa sem pagar o 13º dos servidores e o mês de dezembro dos aposentados



Parece que as reclamações do prefeito TLemos com a queda de receitas não correspondem de fato com os números positivos que o município obteve com arrecadação em 2019, uma vez que até o momento - com dados ainda pra atualizar em 2019 – entrou nos cofres municipais a quantia recorde de R$ 100.616.405,01 (cem milhões, seiscentos e dezesseis mil, quatrocentos e cinco reais e um centavo).

Detalhe I

Só no mês de dezembro a Prefeitura de Macau arrecadou o valor de R$ 11.136.083,72 (onze milhões, cento e trinta e seis mil, oitenta e três reais e setenta e dois centavos) (ainda faltando alguns Recursos Próprios para serem atualizados).

O prefeito TLemos superou todos os gestores passados, já que nenhum conseguiu arrecadar tanto dinheiro quanto ele.

Detalhe II

Diante de tanta receita positiva o prefeito consegue fazer uma mágica inexplicável de não conseguir pagar o 13º dos servidores município até o dia de hoje, sem falar que a população vem sofrendo com a falta de ações básicas, além dos aposentados não receberem dezembro até esse momento.

Detalhe III

Os órgãos competentes de justiça do município salineiro que antes eram bastante atuantes, nada disseram e fecharam os olhos aos problemas sociais e administrativos que passa a cidade salineira.



Nenhum comentário:

Postar um comentário