25 de abril de 2019

Nenhum deputado potiguar irá fazer parte da comissão especial que analisará mérito da Previdência


O site congresso em foco destaca que a  comissão especial que vai analisar o mérito da proposta de emenda à Constituição da reforma da Previdência foi criada nesta quarta-feira (24), mas só começará a funcionar na semana do dia 6 de maio, quando os parlamentares retornam do feriado do Dia do Trabalho. A PEC foi aprovada na noite de terça (23) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Inicialmente criada com 34 titulares e 34 suplentes, teve essa quantidade elevada para 49 integrantes de cada categoria. Segundo o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), a alteração ocorreu para que todos os partidos com representação pudessem ser contemplados com membros no colegiado, por se tratar da pauta mais importante a ser discutida esse semestre na Casa.

O detalhe

Nenhum deputado norte-rio-grandense irá fazer parte da comissão especial da reforma da Previdência.

 O pior 

Ainda tem deputado potiguar querendo discutir a reforma da previdências com os norte-rio-grandenses - ora se o parlamentar não consegue nem fazer parte  e, muito menos, ficar na suplência desta comissão -  vai discutir o que com os potiguares?