29 de março de 2019

Prefeito TLemos na contramão das necessidades básicas do seu povo



O Prefeito TLemos vai a capital participar de evento na busca de fortalecimento do turismo salineiro com alguns vereadores, mas abandona os macauenses a própria sorte.

Enquanto população salineira reclama por cidadania em todos os setores públicos do município, prefeito prefere apresentar uma DUBAI que não existe aos seus ‘amigos’ natalenses e faz de conta que na cidade salineira tudo caminha na mais perfeita ordem na busca de desenvolver o turismo local.


Quando na verdade a cidade grita por socorro, grito que os amigos jornalistas do prefeito têm feito ouvido de mercador para o clamor de um povo, pois;

Filarmônica sendo utilizada na capital estadual com músicos tendo mais de seis meses de atraso salarial

Calçadão de camapum se encontra em situação periclitante

Pórtico de camapum abandonado

- Falta praças esportivas e ações de esporte no município;
- Falta de compromisso para honrar pagamentos acordados com o MP para os inativos municipais;
- Falta d’agua constante no município onde temos uma adutora completamente ultrapassada e até hoje sem uma palavra do gestor que possa amenizar o problema;
- Setor de saúde municipal sendo alvo constante de reclamações, tendo o ambiente do HAF a todo momento enlameado com águas fétidas de fezes;

Ruas e avenidas tomadas de lixo, Urubus e completamente esburacadas

No entanto

Moinho abandonado e sendo utilizado como souvenir para fortalecer a imagem de bem feitor do prefeito salineiro


Tudo isso faltando na cidade salineira e o prefeito oferecendo e degustando  Carapeba, caldo de búzios, ensopado de camarão na capital estadual as custas do abandono e sofrimento do seu povo.

O pior


 Postagem de aluno: Ônibus sem atender demanda escolar, mesmo o município pagando uma quantia exorbitante com contratos de veículos e gasto de combustíveis fora do comum se os transportes não funcionam como deveriam.


Alunos viajando a noite em cima de veículo PAMPA por falta de transporte municipal

A imprensa que sempre pautou seu discurso na cobrança de moralidade administrativa para com a cidade salineira, hoje não mais enxerga nada, não ouve nada, nem cobra nada quando o assunto é Macau.

Alguém sabe explicar o porquê?.....

Moral da História

Essa busca de reconhecimento turístico e ações deste nível apresentadas pelo prefeito salineiro na capital estadual seriam exaltadas se Macau e seus macauenses não estivessem passando tanto perrengue. 

Como já disse; Seria melhor o prefeito fazer o dever de casa primeiro!!!


gatofelix


.