28 de março de 2019

Macau tá desse jeito: Enquanto empresas oriundas de todos os recantos do país tem seu saldo positivo todo mês, o povo fica na lama e o poder fiscalizador nada ver, nada faz, nada diz

Postado por Irineu Cândido
Pelo abandono, Macau se encontra com aspecto de uma cidade fantasma

Enquanto o prefeito TLemos traz uma empresa de Suzano/SP para retirar de Macau uma bagatela aproximada de R$ 1 milhão de reais em três meses, tendo como objetivo desenvolver ações na área de educação, saúde e assistência social - mas por não chegar estas ações junto aos mais carentes - mãe macauense pede ajuda a população salineira para concluir serviço em residência na comunidade do Canto do Papagaio por falta de sensibilidade governamental. Sem falar nas dezenas de denúncias que tomam conta das redes sociais no setor educacional e de saúde pública municipal.

Quer dizer

A empresa de Suzano/SP pode até prestar serviço em alguma coisa, mas o povo não sabe aonde, nem o que e o porque. Mas o valor acertado deve sair em sua totalidade nesses três meses sem que os macauenses tenham a minima noção do serviço que foi prestado ao povo salineiro.


O detalhe

Essa é mais uma empresa entre as oitenta e poucas prestando serviços em Macau. Mas o poder fiscalizador não enxerga, não se pronuncia e deixa o macauense a míngua sem informação e sem os serviços básicos funcionando.