17 de janeiro de 2019

Macau: Enquanto gestão enaltece realização de cirurgias eletivas, pacientes sofrem com risco iminente de contrair bactérias no HAF

Postado por Irineu Cândido


Quando se fala que a atual gestão salineira tem o discurso pronto na ponta da língua para ‘desdizer’ o que são apresentados nas redes sociais a todo momento.

Nesse momento quero apresentar aos meus leitores a situação que aconteceu no Hospital Antonio Ferraz(HAF) na última chuva de sábado(19). Aqui apresento-lhes imagens que acabei de receber do setor que era para estar devidamente em condições para receber pacientes cirurgiados ou não, mas o que se ver após chuva é o habitat do HAF tomado por águas oriundas das fossas cheio de dejetos fecais;




Tem como dizer que estamos devidamente preparados para o atendimento diário no HAF?...

As fezes que adentram nesse ambiente hospitalar - como vocês podem ver - colocam os pacientes em risco iminente de contrair bactérias, ou não?

Portanto

Enquanto os setores de justiça social fecham os olhos para o que acontece no principal setor de saúde municipal, os macauenses correm risco de vida constantemente por estarem sendo atendidos em local inadequado dentro dos padrões de saúde pública brasileira.

Enfim

Também é verdade que os funcionários estiveram a todo momento no local para organizar o ambiente diante de tanta fezes; uns puxaram camas e macas e outros passavam a vassoura e o rodo, mas o que ficou evidente é que não adianta oferecer cirurgias eletivas quando o ambiente hospitalar não esta preparada devidamente para isso.