20 de dezembro de 2018

Presidente Pintinho destaca que eleição da CM de Macau ocorreu dentro dos trâmites legais da instituição

Postado por Irineu Cândido
Para quem acha que a decisão do magistrado em relação ao mandado de segurança, impetrado pelo vereador Oscar Paulino, deixa a nova eleição da mesa direta da CM de Macau sub judice, o presidente Pintinho diz o contrário.

“ O magistrado avaliou o pedido, mas nada foi encontrado de irregular com o nosso ato de eleição. Por isso a decisão proferida pelo juiz de direito, Gustavo Henrique, demonstra que o pedido de anulação será avaliado em momento oportuno. Pois se tivesse ocorrido irregularidade na sessão o magistrado teria se pronunciado em favor do mandado de segurança, algo que não aconteceu”, Garantiu o presidente Pintinho.

Assim então

No conceito do presidente Pintinho, a vereadora Dyana Lira pode ocupar sua posição de presidente tranquilamente, já que o ato foi realizada dentro dos trâmites legais da CM de Macau.

Decisão do magistrado