5 de outubro de 2018

Robinson, Garibaldi e Bolsonaro têm as maiores rejeições dos potiguares, diz pesquisa Fiern/Certus

Postado por Irineu Cândido


O atual governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria, que busca a reeleição pelo PSD, é o que teve o maior índice de rejeição na pesquisa Fiern/Certus divulgada nesta sexta-feira, 5. O voto para ele é rejeitado por 36,42% dos eleitores; o número é mais do que o dobro da segunda candidatura mais rejeitada, a de Fátima Bezerra, do PT. 14,66% dos entrevistados disseram não votar nela de jeito nenhum.

A terceira maior rejeição, com 8,34%, foi para a candidatura de Carlos Eduardo Alves, do PDT. Um total de 17,65% das pessoas ouvidas declarou que rejeita todos os candidatos ao Governo do RN.

Senado

Entre os candidatos ao Senado, o atual senador Garibaldi Alves Filho, do MDB, teve a maior rejeição: 17,55%. Geraldo Melo, do PSDB, apareceu em segundo com 9,99%. Zenaide Maia, do PHS, com 4,96%; Antônio Jácome, do Podemos, com 3,75%; e Capitão Styvenson, da Rede, com 3,45%, ficaram na sequência. Um total de 19,85% dos eleitores disse rejeitar todos os nomes.

Presidência

No Rio Grande do Norte, o candidato para presidente da República mais rejeitado é Jair Bolsonaro, do PSL, 38,26%. O segundo com maior rejeição é Fernando Haddad, do PT, 17,02%. Na sequência estão: Geraldo Alckmin, do PSDB, com 4,59%; e Ciro Gomes, do PDT, com 3,26%. Os eleitores que rejeitam todos somam 14,79%.

Confira AQUI a pesquisa na íntegra