8 de outubro de 2018

Existe alguma liderança vencedora após abertura das urnas em Macau?

Postado por Irineu Cândido

Após o povo falar nas urnas o que estão enxergando desse momento politico que vive a cidade de MACAU, pergunto: alguém saiu ganhando nessa história?



- O prefeito TLemos que tem em sua base uma prefeitura com  R$ 7 milhões/mês, mais de 2 mil funcionários municipais, 5 vereadores e o presidente da CM de Macau apoiando um mesmo candidato estadual obtiveram juntos pouco mais de 1.300 votos, se transformando numa das piores votações de um prefeito salineiro e seu grupo apresentado após abertura das urnas.

- A oposição e Macau que fragmentou os votos onde cada um dos principais interessados no cenário político municipal obteve pouco mais de 700 votos para seus candidatos.

- O Coronel Fernandes é um capítulo a aparte já que os macauenses o tratam como filho legitimo da terrinha, onde o cabo eleitoral do Coronel não se trata de nenhuma liderança municipal, mas sim o povo.

Quem saiu vencedor nessa história?...

Se olharmos por outro ângulo perceberemos que não existiu vencedor com essa realidade após abertura das urnas, existiu apenas o perdedor; Macau e seus macauenses. 

Uma vez que não conseguiram eleger novamente um candidato comprometido com as lutas e as necessidades básicas da nossa terra. O sentimento é de derrota, já que os eleitos que aqui obtiveram votos não assumiram compromisso com Macau, apenas com determinadas lideranças com suas questões pessoais.