8 de outubro de 2018

Carência de um líder pode fazer o sofrimento administrativo salineiro perdurar por tempo indeterminado

Postado por Irineu Cândido


Dos 22.064 aptos a votar em Macau: absteve 4.723 e compareceram 17.341. Sendo que 766 votaram em branco, 2.165 anularam o voto, onde obteve-se 14.410 votos válidos.

Mais uma vez a cidade salineira percebeu o quanto o município está sofrendo por uma falta de um líder nato, as consequências desta realidade se percebem nitidamente na fragmentação dos votos válidos na terrinha.

Se o grupo oposicionista da cidade permanecerem nesse pensamento de se fortalecerem individualmente, os macauenses correm o grande risco de verem esse sofrimento administrativo se perdurar por mais alguns anos. Um a vez que já se percebeu que cada um fala uma “língua diferente”.